Alms giving LuangPrabang, Laos

Luang Prabang é  mais do que uma cidade turística, é um destino místico, repleto de templos e cerimônias. O ritual que acontece diariamente é de arrepiar. A cena se repete todas as manhãs. O sol ainda não raiou, mas os turistas já começam a se aglomerar nas ruas da cidade para presenciar a Ronda das Almas. Turistas e locais, se ajoelham na beirada das calçadas com cestinhas de arroz na mão. Centenas de monges deixam mais de uma dezena de templos e saem em fila indiana pelas ruas de Luang Prabang para arrecadar  as doações, principalmente alimentos. O mais incrível é que essa tradição faz parte do cotidiano da cidade e você percebe que a vila toda acorda cedo. De repente a escuridão da madrugada é iluminada pelos mantos laranjas dos monges que começam a aparecer silenciosamente. Ansiões, adultos e  crianças, pequenos monges que os pais enviam aos templos para que tenham uma educação melhor e para que a família acumule méritos de acordo com as crenças budistas. Eles passam em procissão recebendo as doações de comida, são rápidos.Crianças pobres circulam os monges e podemos perceber eles com um movimentoo muito rápido tampe oferecendo as oferendas a elas. Um gesto bonito pois os dois necessitam daquilo para viver.

Quase todos os que presenciaram a  Ronda da Almas descrevem um momento sublime, carregado de significado. Mesmo que você não seja  budista, mas naquele momento se sente conectado a uma força maior, é envolvido por aquela energia. Uma cena verdadeiramente linda. Quando for participar, tenho os cuidados necessários observe o ritual em silêncio e faça uma oferenda apenas se isso tiver um significado para você e for feito de forma respeitosa. Não chegue muito perto dos monges para tirar fotos. Flashes podem incomodar tanto para os monges quanto para as pessoas comuns. Vista-se apropriadamente: ombros, colo e pernas devem estar cobertos. Não tenha contato físico com os monges. Aproveitem, pois a experiência é única.